2017, ENSEADAS VAZIAS

De julho a novembro, é o período em que a espécie utiliza o Litoral catarinense para acasalar, procriar e amamentar sua cria, tornando o Estado de Santa Catarina a principal área de concentração reprodutiva de baleias francas na costa brasileira. No primeiro monitoramento aéreo de 2017, foram avistados 13 pares de mães com filhote (totalizando 26 baleias) e três baleias francas adultas solitárias. Estes indivíduos podem ser fêmeas que estão grávidas ou machos a procura de fêmeas receptivas ao acasalamento.(...)

Até o momento foram contadas apenas 13 baleias com filhotes no berçário!

Como ficam as baleias na região do Porto de Imbituba com a chegada de navios gigantes ? 

04/08 ClicRBS

Está prevista para o dia 26 de agosto a chegada ao Porto de Imbituba do primeiro navio vindo da Ásia dentro da nova linha de longo curso. A partir desta data, serão realizadas escalas semanais no porto, sempre com navios gigantes, transportando contêineres para atender aos maiores mercados do mundo. Trata-se de uma nova opção para o importador e exportador catarinense e de todo o Sul do Brasil, em especial setores como o cerâmico e o madereiro.

Muito legal, não fosse estar em vigor a alta temporada de baleias na região (que vai até setembro). O Porto fica no meio da Apa da Baleia Franca. O turismo embarcado de baleias está proibido em Santa Catarina exatamente por conta do risco aos animais, seja pelo ruído das embarcações, seja por acidentes.

Questionada sobre o impacto aos animais, a SC Par, que administra o Porto, afirmou que está implantando este ano um procedimento interno de boas práticas, que estabelece diretrizes para navegação com o objetivo de prevenir molestamentos e acidentes. Entre as ações, está monitoramento com equipes que avisam os barcos quando há baleias na rota e distribuição de folhetos educativos para as equipes. A SC Par afirma ainda que não há estudos suficientes que comprovem os danos aos cetáceos pelas embarcações. A coluna perguntou também, por duas vezes, se não seria melhor organizar a chegada de grandes navios para outra época. Mas a SC Par não respondeu.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now